22816

21:29




Erundina fala agora na porta da Band, onde sua participação no debate foi vetada
AO VIVO - Jornalistas livres




Muito bom!



Marcelo Rubens PaivaPágina curtida · 22 h ·  Ficou linda a bandeira brasileira do Nuzman























@artbasel Detail of a ceramic work by #TakuroKuwata / Galleries 2016 #artbasel






Muita gente pensa que meus filhos chamam Clara e Francisco por causa do santos. Que por sinal, amo. Mas um nunca colocaria nome parzinho de jarro. Tipo casalzinho. Escolhi Francisco, mas minha primira opção era Antonio, o nome de homem que mais gosto. Mas pensava nos apelidos, e não gostaria que chamassem ele de Tony. Então coloquei Francisco, sabendo que acabaria sendo chamado de Chico, embora eu nunca na vida tenha chamado ele assim. E minha filha é Maria Clara, porque eu queria ter uma filha com esse nome. Ou Bárbara. Nunca me liguei nessa, quase coincidência.










Notícias de MC


Para lá de Marrakesh adicionou 7 novas fotos — em Usambara Mountains



O funcionário da empresa de ônibus foi bem claro: nosso ônibus sairia cedo, às 5h30, em direção às montanhas Usambara. Perfeito!
Antes de dormir, como de praxe, checamos o bilhete para o dia seguinte, só para confirmarmos que estava tudo certo. Mas levamos um susto. O bilhete dizia que o ônibus sairia às 11h30!
Turistas passam por isso a todo momento no país. Alguns perdem o ônibus, outros têm sorte.


O que muitos não sabem é que na Tanzânia eles usam um tempo diferente do nosso, o Swahili Time. Funciona assim: o dia começa com o nascer do sol, às 6h, e termina com o pôr do sol, às 18h. Isso significa que 12h são 18h, 15h são 9h e assim por diante. O problema é que às vezes os tanzanianos usam Swahili Time quando falam com turistas, mas às vezes usam o English Time, como chamam nosso horário. Para evitar confusão, é preciso sempre perguntar!


Tendo percebido a tempo, chegamos às montanhas sem problemas. Armamos nossa barraca bem na encosta de uma delas, acima das nuvens, com uma paisagem espetacular, com direito a vista para o Kilimanjaro e tudo.

Estávamos felizes porque havíamos passado uns dias numa fazenda em Lushoto e depois de muitos meses no continente, finalmente havíamos encontrado um queijo artesanal (normalmente os queijos que vendem por aqui são aqueles processados). Ele era caro, mas valia cada centavo. Comemos um pedaço pequeno e guardamos o resto para o dia seguinte. Acordamos felizes para o café da manhã. Mas o que não esperávamos é que um “bush baby”, um animal pequeno, parecido com lêmure, comesse (quase) tudo. Ele abriu a tenda e a sacola, que estava fechada. Ali também havia pão, manteiga e mamão. Mas ele escolheu o queijo.


Quando comentamos com os funcionários do hostel, eles morreram de rir. “This is Africa!”, disse um deles.
Pois é! Dessas coisas que só acontecem por aqui.





@ nowness A knock-off artist lies next to his version of David Hockney's Sunbather (1966) painting









@MarceloFreixo
A pergunta da emissora foi bem clara: “os senhores são favoráveis à participação de Marcelo Freixo no debate”? Eles disseram não.



Notícia de hoje, no Estadão.














@moyses.p


*
@michelmelamed  
Nada é "bem pouco" para a imaginação.



Ontem quando cheguei em casa tinha acabado o espetáculo de encerramento da Olimpíada. Aí teve aquela super vaia para o Eduardo Paes**, que bom, e depois começou a homenagem ao Japão. Nunca vi coisa tão linda. E depois ia ficando tudo cada vez mais lindo. Anotei umas coisas, mas nem entendo.

Ninguém mais aliviado do que Thomas Bach. Imagino o desespero desse homem. Mas nada podia ser mais bonito. Agradeço ao Mídia Ninja e aos jornalistas livres. A todos aqueles que nos alimentaram de notícias sobre a realidade do Rio e do Brasil. Mas se a gente não tivesse esse intervalo no meio do imenso pesadelo que estamos vivendo, filme de terror com direito a Frankstein, sei lá. A gente ia pirar.


Depois vou ver o show inteiro.



* O Globo
** Não existe isso de deixar pra lá tudo que está acontecendo por causa de uma festa.











A Madonna é a única pessoa que usa peles que eu gosto.


(no outro dia em uma entrevista ela disse "Fake!""Fake!", mas como ela riu com aquele ar debochado, não sei é estava falando sério).


Eu gosto dela desde sempre, e foi um corta barato quando se tonou virou inglesa, sua maior ambição, fato,e começou a assinar a favor da caça e a usar casacos de pele ostensivos. Mesmo achando que é pele verdadeira, eu não consigo deixar de gostar dela, pelas características que eu admiro em uma mulher: riquíssima graças a ela mesmo, só faz o que quer, passa o aniversário em Cuba: não há um dia que a Madonna não faça notícia. Ela é corajosa e destemida. Uma tremenda força de vontade. Vendo os videos de mini-entrevistas do Poser de Madonna (melhor página), a gente vê que não houve fator sorte na carreira dela. Foi chutando todas as portas. Agora, como diz um amigo meu, que curte apenas dançar suas músicas, vegano (por isso achei que ele fosse se chatear com o lance das peles): "Mas todo mundo sabe que a Madonna é filha da p*ta". Claro que acha, assim como eu,  de uma crueldade extrema, mas não até nem aí para a persona Madonna. É essa que me atrai. E ela tem as melhores fotos.


Li as biografias autorizada e a não-autorizada. Mesmo a primeira não pode deixar de relatar (mesmo pq seria um livro finíssimo) tudo que ela fez que não é legal, roubar música, plagiar, tratar todo mundo mal. Acredito mais no segundo . Mesmo por que prefiro uma boa lenda à realidade.











@madonnaonline









Nesses últimos cinco dias meus sonhos foram como roteiros bons mal dirigidos. Confusos. A história não se desenrolava. Sonho entrecortado é a pior coisa. Foi o maior desperdício de enredos, hoje por exemplo eu ia ao aniversário do Cazuza. Também teve o outro do Haddad e Madonna juntos.






















via





Segunda Desde que fiquei no wpp de nove da noite às cinco da manhã, não sei há quantos dias, a vida degringolou. ----- Mas no meio disso estou tratando de um assunto sério, resolvendo coisas burocráticas-----. Quatro horas da manhã fico acordada escrevendo blog. Depois vou ler minha bíblia, não vou dizer qual o nome, fico com um pouco de vergonha da Tinah, rs. Quando eu lia no ônibus não deixava a capa aparecer, mas agora nem ligo. Pelo menos foi escrito por um mestre de meditação transcendental. Eu faço meditação transcendental. Eu, o Jerry Seinfeld, e o David Lynch. Só em boa companhia. Faço orelhinhas, leio sempre um pouco, morta de sono, sabendo que vou ter que ler umas vinte a 50 vezes para a fixar. Mas hoje é feriado no Rio, para alegria de todos, tudo bem. Acordei duas e meia - coisa que eu fazia na adolescência.


----------- Já contei aqui, quando Clarinha estava morando em Madrid. Se o feriado cai no domingo, eles passam pra segunda #chorabahia  Outra, ela  perguntou a um rapaz do trabalho sobre mandar um email no fim semana, e ele ficou olhando para a cara dela, sem entender, como assim email de trabalho no fim de semana? :D E tem cesta ;)


Amanhã vou começar a acordar às nove e meia, que é o limite máximo para um adulto. Sei que é um conceito meu, provavelmente deturpado, mas acho bacana quem acorda às sete, mesmo trabalhando em casa. Nos últimos dias, às cinco da manhã estou vendo fotos no Instagram.


Agora que o lado bonzinho e o lado mauzinho ("Pra que caminhar na Lagoa?" Vai pra internet!" ou "Larga o livro e vai ver vídeos vergonha alheia no Utube") acabaram, era de lascar, tipo os anjinhos mauzinhos e anjinhos bonzinhos. O lado bom me disse: "Há 11 anos eu falo pra você beber água". Cansou. Foi. O outro , sem ter com quem lutar,  está se dissolvendo aos poucos. Agora sou eu comigo mesma. Acho que chamam vida de adulto (não sei).

21816

Agora, como disse o Carlito Maia, acordem e progresso. 


#tremeforte


Foi tão lindo. Na homenagem ao Cordão do Bola Preta, lembrei do meu irmão e de um certo Carnaval de 2004.





(Post/Reprodução)


Celular

"Adivinha aonde eu estou."
"Não tenho a menor idéia."
"Nem eu."
"Ahn?"
"Acordei numa cama de uma casa de cômodos na Praça Onze, estou tomando vaca atolada com Pepsi."
"Deus do céu."
"As pessoas aqui são legais."
"Legais como?"
"Parecem aquelas mulheres da Velha Guarda da Portela. Eu estava dormindo no carro e me trouxeram pra cá. Cama limpa e ventilador."
"Ah!"
"E uma casa de cômodos que transformaram num restaurantezinho. A Eneida e o namorado estão comendo um mocotó"
"Ui!"

Mais tarde

"Sabe aonde eu estou?"
"Tenho até medo de pensar"
"No buraco quente da Mangueira!"
"Minha nossa"
"Aqui é muito bom!"

O sábado dele começou às nove da manhã, no Bola Preta. Evoé, Zé!









Achei sacada chamarem a Izabel Goulart. 






Não tenho palavras para tamanha beleza. Amanhã vou escrever textão.


Foi como se a gente tivesse entrado em uma realidade paralela, outro planeta, ou tivéssemos sonhando o mesmo sonho. Era tudo que a gente precisava agora. Que espetáculo.





















@nichelmelamed
















04:04 Escrevendo blog quatro da manhã, assim vou longe. Conversinhas com M. Não sei como consigo conviver como com tantas novidades, sem o auxílio de A., minha deusa. Deixei cair minha espadrilha na floresta (licença poética). O maior dos luxos é não ter nenhum tipo de compromisso na segunda. Semana que vem vamos aos museus.  Noites entrecortadas. Sonhei que ninguém do meu grupo de amigos de adolescência, que no sonho era de trabalho, podia saber que eu e M. estávamos namorando, e para disfarçar ele deu uma flor para uma mulher que se parecia com a Eliane Giardini. Apartamento na Glória. Reviravolta para melhor. Deus chutou para o gol.

21816











Só nos vendem coisas lindas.













(Vanity Fair)









Família Lantimant, a melhor.


Olimpíada 2016



@oldpicsarchive
Marilyn at Ebbets Field on 12th May 1957. 




O mundo vai acabar, mas as fotos inéditas de Marilyn não.





Compreendo quem é ateu. Mas não acreditar em anjos?


Melhor churrasco vegetariano da vida. Shitake, queijo coalho, espigas de milho, cenoura queimadinha, batata rústica, abobrinha, batata doce - todos cortados em pedaços pequenos, pãozinho de alho, tudo dourado, tudo delicia, feito por ela @marianabvll ❤️ Mulheres na varanda. "Você é machista" - me disse ela, levando as mãos à cabeça. De fato, no contexto. "Eu gosto de você pra c*ralho, faz o que eu tô te dizendo". Falar é mais fácil do que fazer. Brasil medalha de ouro no futebol. Foi uma dia que considerei perfeito e nada óbvio. Faltou vocês, Isabela.



No final meu anjo-da-guarda-wenders-rilke-chagall  me fez uma surpresa. Meu amigão.

Nenhuma música.





hey_ho ‏@com_disfarce
Assistindo jogo, derrubando governo e colecionando copo.





Não ter encontrado a Mary é de matar.